segunda-feira, fevereiro 21, 2011

Das Boot

Foi o filme que vi ali com a cara metade, bem bom por sinal. Retrata a história de um submarino e sua tripulação na II Guerra Mundial. numa viagem no minimo suicida, com jogos do gato e do rato, com momentos de cortar a respiração e mesmo sendo alemães a "trabalhar" para o Hitler (que por vezes a lealdade destes homens era questionada) torciamos para eles sairem ilesos e viverem mais uns anos. Não foi bem assim mas também não quero ser spoiler por isso vejam o filme.
Aquilo que não compreendo é o seguinte: a Alemanha tinha um poderio imenso, barcos, aviões, infantaria e o caralho a quatro e pode perder uma guerra quase certa? 
O Hitler era um génio mas depois aquilo deu-lhe para a loucura e foi tudo por água abaixo, um pouco como eu quando jogo jogos de estratégia e se estou a perder entro em paranóia e lanço tudo que há para não ficar ninguém para contar história, foi o que o ele em traços gerais fez. 
Admiro o Hitler (calmaaaaaa deixem-me terminar) por aquilo que ele fez em termos de estratégia e em termos de liderança - o resto como se sabe não sou assim muito fã de matar um povo só porque sim ou porque me apetecesse. 
É como aquela teoria que ouvi ontem (e acertada) que se um líder de um país, tem um problema com o outro, que vá lá e fale com ele ou ande à porrada tanto faz, menos tirar jovens das saias da mãe para irem combater, num país estranho, contra outros jovens que não têm culpa de um líder não gostar do outro e matarem meia população e volto a dizer só porque um tipo não vai à bola com o outro. Já para não falar que se gastam milhões na guerra, o mal de uns é o ganho de outros, infelizmente.

3 comentários:

Cheerio disse...

Sincronizá-las, infelizmente, não sei... Quando não estão sincronizadas vou em busca de outras x)

Cheerio disse...

Costumo usar o kmplayer ou o gom, mas obrigada! Hei-de experimentar isso.
=)

→ Calipso disse...

Bgd :) Vermelho é sexy :p